Linhagem Reiki Eduardo Isaac

 

Manifesto minha aqui minha gratidão infinita a Sensei Usui e todos seus sucessores na transmissão do conhecimento sobre o Reiki que hoje está presente em todos os cantos do mundo. Gratidão aos  Mestres e Professores que participaram mais diretamente de minha formação do nível I em 2010 ao Mestrado em 2012 e ao Frank Arjava Petter que muito me inspirou e ensina através de suas obras. Gratidão profunda também a todos meus alunos, pois desde que comecei a ministrar cursos, a cada nova turma talvez seja eu aquele que mais aprende. Gratidão especial a minha esposa Samira Sampaio pelo apoio incondicional e paciência na longa trajetória de buscas, cursos, vivências e estudos.

Observação: É comum haver formação com mais de um Mestre ao longo da trajetória de formação, portanto na imagem acima procuramos deixar a linha de transmissão mais sucinta para mais fácil visualização. No entanto cada Mestre pode apresentar sua linhagem completa com as conexões e ramificações devidas.

 

SOBRE AS LINHAGENS DE REIKI

Ao fazermos uma pesquisa encontraremos diferentes linhagens de Reiki. Isso pode causar dúvidas ao estudante que está iniciando seu aprendizado no Reiki, bem como gerar um pouco de confusão mesmo para iniciados.

Dentre vários questionamentos, os mais comuns que identificamos são: Esse professor/instrutor/mestre reiki/reiki master é realmente formado? Vem de uma linhagem tradicional? Serei realmente iniciado? Qual é a verdadeira escola de reiki? Qual a legítima linhagem?

Nesse sentido, nosso objetivo é apresentar ao aluno algumas considerações de acordo com nossa pesquisa e experiência, bem como dar algumas dicas.

A primeira coisa que pode-se fazer ao se deparar com um curso de Reiki é saber quem é o instrutor. Desconfie de cursos onde você não consegue encontrar o nome do professor em nenhum local. Após saber quem fará as iniciações, busque saber qual sua linhagem, ou seja quem é o professor do professor, e assim por diante, até chegar ao nosso Sensei Mikao Usui, que foi o sistematizador da técnica em 1922. Essa informação dará mais segurança, por saber que seu professor realmente passou pela iniciação/sintonização necessária, e não foi somente alguém que buscou informações em livros e na internet e começou a dar cursos sem ter uma formação adequada.

Referente a valores, existe uma variação conforme a localidade, experiência do professor e público. Na época que o sistema Reiki foi criado os cursos custavam uma pequena fortuna, e essa contribuição era vista como um oferecimento auspicioso ao professor, em retribuição da dádiva da transmissão do conhecimento, experiência e da energia. Essa contribuição permitia que as atividades do professor e seus projetos iluminados pudessem florescer. Atualmente a maioria dos cursos de tornaram muito acessíveis, o que é muito positivo! Ao mesmo tempo, nos encontramos em uma cultura onde os professores em geral, e a sabedoria decorrente de seus anos de estudos e práticas, são extremamente desvalorizados. Valorize sempre seus professores e seus ensinamentos, fruto de muitos erros e acertos, estudos, vivências e práticas. Eles são muito preciosos para nos auxiliar em nossa jornada!

Nossa apostila e curso foram inspirados pelos Mestres que propiciaram a minha formação, a grande maioria oriundos da linhagem Ocidental de Reiki que foi se formando através da Sra. Hawayo Takata, aluna de Chujiro Hayashi, o qual por sua vez foi discípulo direto de Mikao Usui, criador do método de trabalhar com a energia denominado naquele primeiro momento de Shinshin Kaizen Usui Reiki Ryoho, logo conhecido apenas por Usui Reiki Ryoho e mais tarde apenas por Reiki.

É importante mencionarmos que na época que Mikao Usui consolidou sua técnica de cura, o termo Reiki já era conhecido e utilizado de modo genérico. Por esse motivo é que Usui ao criar seu método, denominou-o de Sistema Usui de Reiki (Shinshin Kaizen Usui Reiki Ryoho, depois conhecido como Usui Reiki Ryoho, e mais tarde somente por Reiki) para então diferenciar essa forma de se compreender, ensinar e praticar o Reiki.

A Sra. Takata, que foi a grande responsável pelo Reiki ser difundido no Ocidente, oriunda do Usui Reiki Ryoho, fez constar em seus certificados a denominação Usui Shiki Ryoho. Portanto sempre que se deparar com essa denominação, é uma referencia a Sensei Takata e sua linhagem ocidental de Reiki. Seus primeiros professores foram formados na década de 70, década de seu falecimento. O Reiki tal como nos chegou por essa grande mestra e seus alunos é a mesma energia trabalhada por Usui, no entanto seus métodos foram sofrendo algumas alterações e inovações ao longo dos anos, naturalmente. E quão belas são tantas técnicas que existem, sejam elas próprias do tempo de Usui, ou surgidas posteriormente. A energia jamais se alterou!

Como já dito, vamos encontrar diferenças entre a linhagem Ocidental, oriunda como já mencionado da Sra. Hawayo Takata, e a linhagem Oriental, provinda de outros mestres formados por Mikao Usui ou pelos seus discípulos que se mantiveram no Japão. Vale destacar uma dessas mestras orientais, a Sra. Chiyoko Yamaguchi que foi iniciada por Chujiro Hayashi (assim como Takata) e que deu origem a uma vertente chamada de Jikiden Reiki, atualmente propagada pelo seu filho Tadao Yamaguchi e por Frank Arjava Petter. É um verdadeiro tesouro, pois é a transmissão das técnicas do Reiki assim como aprendido de Hayashi (discípulo de Sensei Usui, criador do método)!

Toda minha primeira formação de nível 1 ao mestrado foi realizado em Usui Shiki Ryoho, e já há alguns anos estudo e iniciei a formação de Jikiden Reiki. Portanto, em nosso curso ensinamos o Reiki Tradicional, com os conhecimentos provindos da linhagem Ocidental e também várias técnicas japonesas de Reiki, que ficaram esquecidas por um tempo devido a ocidentalização ocorrida, mas que têm sido trazidas à luz por pesquisadores e mestres como Frank A. Petter, professor de minha Mestra de Jikiden. Desse modo, quando me refiro ao Reiki Tradicional,  falo sobre Reiki Usui, tanto de sua vertente ocidental quanto japonesa. Nesse link do site oficial de Jikiden pode ser consultado os alunos do Brasil que participaram de cursos de Jikiden Reiki: http://www.jikiden-reiki.com/en/seminar/s_america.php?state=150.

No entanto, podemos naturalmente admitir a existência de outros sistemas de Reiki, visto que esse é um termo que designa uma energia universal que permeia todo o universo e nutre todos os seres. Mesmo com a denominação de Reiki ou sob outros nomes, podem haver diferentes métodos de interagir ou trabalhar essa energia. São apenas formas diferentes de se lidar com uma mesma energia que é presente, abundante e perene, e já conhecida de inúmeros povos e tradições ao longo do tempo. Para citar alguns exemplos das outras vertentes temos: Teramai, Karuna, Rainbown Reiki, Sekhem Seichim Reiki etc.

Portanto, respeite sempre outros praticantes, linhagens e escolas de Reiki, e desconfie daqueles que desejam se tornar “donos do Reiki” ou legítimas, únicas e verdadeiras escolas.

Dr Mikao Usui reiki strudents in Japan

 

Imagem extraída da internet e mostra Usui Sensei e os shihan treinados por ele, fotografados no dia 26 de janeiro de 1926. À direita está Ushida Sensei. Hayashi Sensei é o primeiro da fila de baixo e a direita Taketomi Sensei. Gizo Tomabechi Sensei não estava presente no dia da foto, inserido a direita.

Autor:

Eduardo Isaac
Mestre Reiki

 

Confira nossa agenda de cursos:

botao-vermelho-agenda